Pesquisar este blog

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

116. Silêncios e sons

Livros lidos
Discos preferidos
Filmes vistos
Sempre
Um
Sinal

E o que estava longe está aqui
dentro e tão perto
De um jeito tão certo que só cabe mesmo em mim
(...)
  No tempo que passa
Lento e à jato

No gesto que toca
A gente na alma
No modo, dois jeitos
Mas diferentes
É que somos
Iguais

Livros lidos
Discos preferidos
Filmes vistos
Sempre
Um
Sinal

                                                               (Mosaico Abstrato - Nando Reis)

2 comentários:

  1. e ae dani, sempre irreverente, sempre com pensamentos espetaculares, parabens pelo blog, DEUS te abençoe...

    ResponderExcluir
  2. Oi Dani, lembra de mim?

    Eu "sou da América, sul da América, South America
    Eu sou a nata do lixo, eu sou o luxo da aldeia, eu sou do Ceará"

    Mas hoje é seu aniversário.

    A distancia é algo cruel, mas que bom que sempre que venho ao seu Blog sou brindado com suas reflexões.

    Receba meu "xêro" de parabéns aqui do Ceará. Deus te abençoe.

    ResponderExcluir